segunda-feira, 17 de junho de 2013

Boas Vindas a Mano Menezes

Buongiorno, Buteco! Gostaria de iniciar a semana dando boas vindas ao novo treinador do Flamengo, Mano Menezes. Estou contente porque o Mais Querido agora tem um treinador experiente, de inegável qualidade e que está no topo da carreira. Analisando o currículo de Mano Menezes, tive uma grata surpresa recentemente, pois não me recordava de seu impressionante trabalho à frente do XV de Novembro de Campo Bom/RS na Copa do Brasil em 2004. Poderia ser tratado como um fato isolado, não fosse o sucesso posterior de Mano em sua carreira. Dali para frente,por sinal, vieram um vice na Libertadores e um terceiro lugar no Brasileiro pelo Grêmio, após tirar o próprio Grêmio da Série B no ano anterior, e ainda uma Copa do Brasil pelo Corinthians.e depois a Seleção Brasileira, onde, na minha opinião, fez um importante trabalho de renovação, dados os escassos recursos que o nosso futebol oferece hoje em dia, e que, quando começava a colher frutos, foi interrompido, para ser agora retomado e aproveitado por Luiz Felipe Scolari. Injustiças do Futebol.

Não, não quero dizer que Mano Menezes seria a minha primeira opção. Muito pelo contrário. Porém, na vida, e por que não no futebol, raramente conseguimos ver concretizadas todas as nossas expectativas. O Flamengo tem ao menos um treinador com bastante bagagem e estudioso taticamente, que já demonstrou versatilidade ao treinar e fazer boas campanhas em diversos tipos de competições, o que há de ser considerado um bom indício, mesmo para aqueles, como eu, que preferiam um treinador estrangeiro, não contaminado pelo atraso tático de anos do futebol brasileiro.

Acho que o Mano merece o apoio da Nação Rubro-Negra.

Seja bem vindo, Mano, e receba toda a energia positiva da Nação.

***
As negociações entre o consórcio que venceu a licitação pela concessão do Maracanã e o Flamengo parecem estar cada vem mais duras. Não quero entrar no mérito, não porque o assunto seja polêmico, mas porque acho difícil opinar com consistência sem ter acesso a detalhes e informações decisivas a respeito do tema. O que preocupa qualquer torcedor é o que se fazer enquanto não há uma definição a respeito do tema, lembrando que a definição pode até ser não fechar negócio e partir para outras alternativas.

A questão é que, ao que tudo indica, o impasse ainda se estenderá por um bom tempo. O Flamengo, porém, precisa de um lugar para chamar de seu, ainda que apenas nesse Campeonato Brasileiro. Gostaria de saber dos amigos, então, qual será o melhor local para o Flamengo mandar seus jogos. Seria melhor uma localidade distante, como Brasília, Manaus ou Cuiabá, ou alguma próxima como Juiz de Fora, que evitaria deslocamentos mais longos? Haveria um meio termo? Quais os estádios no Rio de Janeiro que poderiam receber tal encargo?

***

Sei que o assunto é recorrente, mas gostaria de saber dos amigos as posições que, no lugar de Mano, indicaria para reforçar o time, pois, afinal de contas, se bom técnico ele é, milagreiro com certeza também não é. Então, trariam o Júlio César ou o Felipe dá conta do recado? Esse argentino muito jovem suportará a pressão? Seria uma boa aposta? E quais as posições mais carentes? Será que vem um meia?

Acho que dá pra gente começar a conversar nessa segunda-feira pós estreia da Seleção Brasileira na Copa das Confederações e sem jogo do Flamengo.

Bom dia e SRN a todos.

ADEUS URUBU-REI! OBRIGADO POR TUDO! SEJA FELIZ! E OBRIGADO SÃO JUDAS TADEU!